Papel água


eu pintei os dias nas cores dos dias
pintei as noites nas cores das noites
linhas emotivas, mas efémeras
repeti de novo e de novo
essa tela não é minha

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Itá terá a maior tirolesa da América Latina

Uma cicatriz na alma

Editorial “Tempo, esse devorador de coisas”